You are currently browsing the category archive for the ‘Garfinhos em casa’ category.

Risoto de shitake fresco!

* Pegue um pacote de shitakes frescos. Lave em água corrente, tire os talos e corte em tiras.

*Paralelamente, coloque água para ferver com 2 cubos de caldo de legumes.

*Refogue o shitake com bastante cebola picada e manteiga na mesma panela em que será feito o arroz.

*Coloque o arroz. NUNCA lave o arroz.

*Dê uma mexidinha para incorporar tudo e coloque vinho branco suficiente para se tranquilizar de que as cebolas não vão torrar. Eu sempre fico tensa achando que vai ficar tudo queimado.

*Vá colocando concha por concha de água com caldo de legumes no risoto. Enquanto isso, mexa.

*Mexa e tenha paciência.

*Perca a paciência e comece a provar descontroladamente da panela até sentir que está al dente.

*Se desespere achando que vai tudo passar do ponto e corra para colocar uma colher de manteiga e um punhado de queijo parmesão ralado.

*Mexa pela última vez. Sirva com queijo parmesão e pimenta do reino moída.

OBS: Medidas pra que se todo mundo sempre muda as receitas, né?

Anúncios

Listando 4 maneiras de se comer camarão:

Com a família. Camarão com peixe, lulas e polvo, na farta moqueca do Mercado Produtor (meia moqueca dá para 4!), onde tudo é super fresquinho. O problema é que a disputa pelos camarões sempre é grande…

 

Sozinha. Feitos pela vovó luso espanhola e marinados com vinho branco, alho, pimenta, louro e açafrão. É impossível parar de comer.

 

Com os amigos. Feitos em casa, levemente inspirados na culinária tailandesa, com curry amarelo, chilli, leite de coco e abacaxi. É gostoso, rende e impressiona!

 

A dois. Graúdos e tailandeses de verdade, no Pad Thai (R$46,00) do charmoso Nam Thai.

 

 

Mercado Produtor – Av. Ayrton Senna, 1791  Barra da Tijuca

Nam Thai – Rua Rainha Guilhermina, 95  Leblon

Mostrando que cozinhar entre amigos pode ser um programa muito divertido…e calórico!

Detalhe da decoração

 

Sobrecoxas empanadas com corn flakes. Receita cheia de “juiceness”, conforme informou o autor.

 

Batatinha assada com cheddar, sour cream e bacon. Nham.

 

Agora de outro ângulo, com o detalhe do sal grosso. Segundo o autor, o segredo é furar a batata toda e colocar muito, mas muito sal grosso. Recomendações cumpridas.

Delícia!

O bolinho de bacalhau virou prato principal,com o perdão da rima. Detalhe para o alhinho assado no canto,compondo a cena e para o queijo ralado por cima, fazendo um leve gratinado.

Precisa dizer mais alguma coisa?